A vida é um porre de qualquer jeito.
- Damon Salvatore. (via silenciadores)
Me diz o que você quer que eu vou fazer. Você quer um apartamento maior? Eu mudo de emprego e compro pra você. Quer filhos? Vamos tentar ter. Só me diz o que você quer, o que realmente procura. Eu não posso ficar sempre adivinhando, então me diz o que você quer. Porque o que eu quero está parado na minha frente. Em minhas mãos.
- P.S. Eu te amo.   (via animiciar)
Se eu chorar, não me faça muitas perguntas, não precisa nem secar minhas lágrimas. Só me diz que você continuará comigo pra tudo, que tenho teu colo e teu carinho. E ainda que te doa me ver assim, me envolva nos teus braços e diga que eu posso chorar, mas que você não sairá dali enquanto eu não sorrir. Porque é isso que nos importa, não é? O sorriso um do outro.
- Caio Fernando Abreu. (via auroriar)
Quem gosta de você vai te tratar bem. Quem gosta de você se importa, quer o melhor, te procura, te liga, te dá satisfação. Quem gosta quer estar junto. Quem gosta demonstra. Quem gosta faz planos. Quem gosta apresenta para a família e amigos. Quem gosta manda uma mensagem bobinha só pra dizer que ama. Quem gosta carrega uma foto sua dentro da carteira pra ver quando dá saudade. Quem gosta abraça na hora de dormir. Quem gosta dá um beijo de boa noite e de bom dia. Quem gosta aguenta suas reclamações, sua cólica infernal, suas manhas e manias.
- Clarissa Corrêa. (via animiciar)
Dê um sorriso a um estranho. Pode ser o único que ele verá no dia.
- P.S. Eu te amo  (via animiciar)
No silêncio encontramos todas as respostas.
- Elisa Bartlett   (via oxigenio-dapalavra)

Por um fio

As relações humanas são como a superfície do mar. Ao mesmo tempo que demonstra certa calmaria esconde nas suas profundezas todas as inquietações, inseguranças e incertezas. Basta um vento mais forte pra trazê-las à tona, são as tempestades de caráter, personalidade e auto estima que nos tornam tão frágeis quanto um barquinho de papel.

Elisa Bartlett

É impossível aprisionar os que tem asas.
- Caio Fernando de Abreu. (via sou-inseguro)
O fotógrafo tem a mesma função do poeta:
Eternizar o momento que passa.
- Mario Quintana.  (via desembarcou)

© by cds