Acho que em alguns dias a gente acorda meio louca. Não tem outra explicação. Dá uma saudade de coisas que já passaram, de coisas que nem vivemos direito, do que nem sabemos ao certo. E uma vontade de trocar de nome, de corpo, de cabelo, de profissão, de país, de vida.
- Clarissa Corrêa.  (via floreces)
Tomara que isto seja engano,mas este mundo não parece mais humano.
- Otávio L. Azevedo (via oxigenio-dapalavra)
escrito no dia 10 de Julho de 2014 às 22h40

“O sofrimento muitas vezes pode ser opcional, mas muitas vezes querido, o sofrimento é obrigatório. Eu digo isso por meras experiências, uma mais deprimente e devastadora do que a outra. Conquistas com cheiro e sabor amargo da derrota, sonhos estraçalhados e objetivos encurralados descendo pelo ralo. Muitos dizem que minhas palavras são brutas, a negatividade toma o corpo de tal modo. Minhas dores para mim são enormes, para o próximo? Não resulta em um pequeno arranhado adquirido em uma frustada chance de proteger o seu felino. Hoje escrevo sobre o sofrimento pois ele de alguma maneira faz parte de todos os meus dias, faz parte de todos os nossos dias, sem que percebamos, vivemos em meio ao caós e não somos capazes de fazer nada. É triste, é complicado, mas em meio a tantas ideias e opiniões contraditórias, não devemos esperar ao contrário, caós externo e interno.”
- Diário escrito em carcere.  (via oxigenio-dapalavra)
Se a inquietude do sentir roubar a minha alma, eu não vou fugir. Eu vou ficar entregue, vendo meu coração explodir. Não mandarei cartas pedindo ajuda, ou dizendo que sinto tua falta. Se meu coração for engolido pelo universo, e depois cuspido fora, eu não vou cobrar das estrelas um novo lar. Eu vou sair pra fora do peito, e gritar pro mundo que sentir não tem jeito, que inquietude jogada fora se forma de novo dentro da gente. Se meus olhos queimarem ao ver a tua pele, eu vou me quebrar. E se eu me quebrar, eu não vou unir pedaços, eu não vou estar inteira novamente. Eu não vou reagir contra o vento.
- Thais. (via floreces)
Uma dica? Ame seus pais. Estamos tão ocupados crescendo, muitas vezes esquecemos que eles também estão envelhecendo.
- Soldado. (via floreces)
Eu olho para o mundo e até mesmo ao fechar os olhos e cobrir o meu coração eu vejo uma água cair surdo, as quedas de surdos como um furacão de gelatina, como uma cachoeira de esperma e águas-vivas. Eu vejo turvo um longo arco-íris. Eu vejo suas águas através dos ossos.
- Pablo Neruda   (via oxigenio-dapalavra)
Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta. O amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão. O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar.
- Crônica do Amor.   (via floreces)
Tenho uma curiosidade imensa pelo que vai me acontecer.
- Caio Fernando de Abreu. (via auroriar)

© by cds